Estacionamento Rotativo é debatido na 22ª Sessão da Câmara

Aconteceu nessa terça-feira, 09, sob o comando do vereador Carlos R. Pinto – Bifão – (PL), a 22ª Sessão da Câmara de Vereadores de Porto União.

Entre projetos e requerimentos discutidos e aprovados destaque para o Projeto de nº 17/2019, de autoria do vereador Gildo Luiz Masselai (PSDB), que proíbe a utilização de canudos de plástico, exceto os biodegradáveis, em restaurantes, bares, quiosques, ambulantes, hotéis e similares no município de Porto União.

Mas o que mais rendeu discussão entre os vereadores foi a questão do Estacionamento Rotativo no município. Após quatro licitações, a ordem de serviço para a empresa vencedora iniciar os trabalhos foi dada pelo executivo, mas uma decisão julgada do Judiciário de Santa Catarina determinou que não devesse haver nos Estacionamentos Rotativos dos municípios do Estado nenhum benefício aos usuários caso haja irregularidade no momento do estacionamento. Por exemplo, quando há falta de pagamento do estacionamento em vez de uma multa no valor de uma hora como acontece na cidade vizinha de União da Vitória, a multa deve ser como uma infração de trânsito no valor de mais de R$ 196 e mais os pontos na CNH. Alguns vereadores já sinalizaram serem contra essas multas.

“Para tentar encontrar uma solução para esse impasse, estaremos reunidos no final da tarde desta quarta-feira (10) com o prefeito. Vamos tentar encontrar uma saída para esse problema. É um tema polêmico que precisamos encontrar a sua solução”, destacou Bifão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *